Se todos os dias são iguais, torne-se diferente

Yvonne

Minha foto
Brasileira, ariana nascida no Rio de Janeiro, morando atualmente em Guarapari, mulher, esposa e mãe. Gosto de artes em geral, de ler, de trocar idéias, de praia, de cinema, de tomar cerveja e de dar boas gargalhadas.

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Gente de Opinião

Seguidores do blogger

Gente que Olha, nem sempre opina...

Arquivo BlogGente

Site Meter eXTReMe Tracker

A SUPER INTELIGÊNCIA BOURNE



Amigos,

Revi recentemente os dois primeiros filmes dessa série: A Identidade Bourne, como também A Supremacia Bourne. Filmes gostosos para quem gosta de ação como eu. Só que lá pelas tantas, eu percebi algo até então não notado em toda a minha vida: a incrível capacidade dos filmes americanos mostrarem a competência da CIA e similares, ao descobrirem tudo a respeito de nossas vidas. Aliás, isso existe há algum tempo e eu, interessada na trama em si, não me dava conta do abuso. Sei que quem trabalha com segurança, tem que ter imensa fonte de informações, mas os pequenos detalhes que eles descobrem são demais. Querem entender o que estou querendo dizer? Vamos lá. Pois bem, no primeiro filme, eles ao verificarem a placa do carro da moça que o ajudou a fugir, descobriram que ela se chama fulana e todos os demais dados que o nosso DETRAN tupiniquim pode informar. Além disso, tem mais coisas:

- morou de 1432 até 1693 na Inglaterra e lá teve vários lares, dentre os quais o de fulano que foi o filho da empregada do primo da irmã bastarda de Shakespeare;

- se formou em não sei quando, deu para o primeiro namorado naquela noite que a sua mãe teve um ataque de nervos por causa da empregada que resolveu discutir com o porteiro por conta de um ratinho que apareceu em sua varanda;

- comprou na C & A, um vestido rosa de bolinhas brancas no dia 27 de agosto de 2005 exatamente às 14.39.53h e por volta das 14.40.12h bebeu água no bebedouro, onde momentos antes uma cirurgiã-dentista estressada por causa do marido que a traiu com aquela negra de Ruanda, quase desmaiou de tanta tristeza;

- e por último, menstruou pela última vez na semana passada, tendo tido cólicas por toda a madrugada e só foi melhorar depois que o seu amigo, descendente direto do grande Moisés por parte de pai, saiu para comprar um Atroveran, lote tal, com vencimento não-sei-quando.

É queridos, fiz gozação, mas cá entre nós: não é isso que acontece? Além dessa competência toda, ainda temos profissionais com as caras mais emburradas do mundo que não têm amigos em seu próprio ambiente de trabalho, não têm vida própria e estão prontos 24 horas por dia para saírem por aí matando qualquer um, em nome da segurança nacional americana. A história se passa na Europa, mas o esquema é todo americano.

E eu que tenho o meu bloguinho onde conto um monte de histórias prá lá de babacas que dizem respeito apenas à minha pessoa e todas as outras que fazem parte da minha vida, fico temerosa de eles saberem que ontem eu comi camarão e que a minha unha do dedo mindinho da mão direita quebrou.

Queridos, depois de tudo que tomamos conhecimento nos últimos tempos, podemos chegar a conclusão que o povo daquele estranho país ao norte da linha do Equador não passa de um grande engodo. Eles elegeram duas vezes um retardado mental que não consegue formular uma única frase completa. Foi por essa razão que o Obama foi eleito. Não estou menosprezando o novo presidente, muito pelo contrário, mas o seu sucesso se deve unica e exclusivamente à sua retórica e à total incompetência do seu antecessor. Como diria a minha avó, em terra de cego, quem tem um olho é rei.

Beijocas

Yvonne

P.S.: Meus queridos, estou com obras em casa e sem tempo algum para poder visitá-los. Para quem conhece a tal história da tromba d'água que caiu no meu quarto, felizmente, após oito meses, vamos ter móveis novos. O apartamento inteiro está uma bagunça por conta disso.