Se todos os dias são iguais, torne-se diferente

Yvonne

Minha foto
Brasileira, ariana nascida no Rio de Janeiro, morando atualmente em Guarapari, mulher, esposa e mãe. Gosto de artes em geral, de ler, de trocar idéias, de praia, de cinema, de tomar cerveja e de dar boas gargalhadas.

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Gente de Opinião

Seguidores do blogger

Gente que Olha, nem sempre opina...

Arquivo BlogGente

Site Meter eXTReMe Tracker

SALADA DE FRUTAS

Amigos, mais uma saladinha de frutas.

VIAGEM AO RIO - Sabem como a Itapemirim resolveu o problema da viagem entre o ES e o RJ? Fazendo baldeação na ponte de Campos. O lance é assim:
- salta-se do ônibus na margem do rio Paraíba do Sul.
- atravessa-se a pé em uma ponte pequena e estreita que não pode passar carro pesado.
- entra-se no outro ônibus.
- espera-se virem as malas que estão no bagageiro do primeiro ônibus.
- assim que elas chegam, segue-se a viagem.

Ótimo, não? Tudo isso porque o governo não toma providências para ajeitar essa maldita BR-101. Se eu tivesse dinheiro a rodo para ir ao Rio sempre de avião, também teria problemas.

CARNAVAL CARIOCA - De uns tempos para cá houve uma verdadeira revolução no carnaval carioca. A população que quer brincar não está mais dando bola para o desfile das escolas de samba que viraram um espetáculo grandioso para turista ver. Logo, os blocos e bandas proliferaram em toda a cidade. Os nomes são engraçadíssimos, a farra é enorme e não há quem não fique animado. Li no jornal que são 340 blocos que pediram autorização à prefeitura para fechar determinadas ruas em dias previamente marcados. Tudo isso já começou em janeiro. Pois bem, alguns dos maiores blocos tiveram a infeliz idéia de copiar essa maldita idéia do carnaval de Salvador e agora estão cobrando o tal abadá, com os seguranças impedindo as pessoas de brincarem. Houve uma reclamação geral e parece que não vai ser assim. Não sei por quanto tempo vai durar o carnaval não pago. Do jeito que o mundo está ganancioso, está arriscado o Rio ter um monte de festas esplendorosas com as pessoas dentro de casa sem poderem pagar. Quem quer se divertir, vai ter que ir à Região dos Lagos. Por essas e outras quero dar um viva ao carnaval do Recife que, pelo menos até o momento, não se deixou seduzir pelo dinheiro fácil como fizeram Rio e Salvador.

DÚVIDA CRUEL - Por mais que me esforce não consigo entender o que levou o ganhador de um prêmio da Megasena a se casar com uma Dona Encrenca que tá na cara que é a maior roubada. Perdeu a vida por causa de uma %$#*&¨. Ele foi a vítima, mas poderia ter evitado essa situação. Millor Fernandes disse uma frase que eu acho o máximo: dinheiro compra até amor sincero. No caso dele, comprou um amor que foi fatal.

IGREJA RENASCER EM CRISTO - Como diria a minha avó, rainha dos ditos populares, quem é burro pede a Deus que o mate e ao Diabo que o carregue. Com tudo isso que tem sido anunciado nos meios de comunicação, ainda tem gente que acredita que a Bispa Sonia e o maridão são do bem e estão sendo perseguidos sei lá por quem. Com certeza os perseguidores devem ter parte com o demônio. Minha santa avó dizia que só é maluco quem rasga dinheiro e come merda. Se ela tivesse conhecido essas igrejas evangélicas que nada têm a ver com o Protestantismo que merece o nosso respeito, diria que além dessas duas doideiras, haveria mais uma: acreditar e dar dinheiro para larápios que dizem ser amigos íntimos de Jesus Cristo. Pois é, o filho de Deus já confessou para mim que todas as vezes que alguém grita a palavra aleluia, ele tem vontade de sair correndo. O problema é que ele não sabe para onde.

PRÁ TERMINAR - Li o livro "O caçador de pipas" e eu o recomendo para todo mundo. É simplesmente uma maravilha. Conta a história de uma amizade tendo como pano de fundo a destruição do Afeganistão. Sucesso mundial de público e de crítica. Vale a pena ler.

Beijocas

Yvonne