Se todos os dias são iguais, torne-se diferente

Yvonne

Minha foto
Brasileira, ariana nascida no Rio de Janeiro, morando atualmente em Guarapari, mulher, esposa e mãe. Gosto de artes em geral, de ler, de trocar idéias, de praia, de cinema, de tomar cerveja e de dar boas gargalhadas.

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Gente de Opinião

Seguidores do blogger

Gente que Olha, nem sempre opina...

Arquivo BlogGente

Site Meter eXTReMe Tracker

CELEBRIDADES E O GOOGLE

Amigos, andei fazendo umas pesquisas no Google, através da opção "em toda web" e fiquei impressionada com os resultados. Vejamos o número de páginas:

189.000.000 para Jesus Cristo
68.600.000 para Madonna
37.190.000 para Buda e Buddha que é o seu nome em Sânscrito (*)
30.500.000 para Paris Hilton
19.300.000 para Britney Spears
12.600.000 para Albert Einstein
3.330.000 para Adolf Hitler
2.310.000 para Zico (**)
1.990.000 para Daniela Cicarelli
1.600.000 para Mahatma Gandhi
1.130.000 para Charles Chaplin
424.000 para Roberto Jefferson
401.000 para Juliana Paes
329.000 para Fernanda Montenegro
117.000 para Marília Pêra
106.400 para Ulisses Guimarães

(*) Buda teve 9.090.000 páginas e Buddha 28.100.000.
(**) Pensei em pesquisar o Pelé, mas como algumas páginas estrangeiras podem não utilizar o acento agudo, optei pelo Zico por esse motivo e também por causa da palavra pele.

Amigos, antes de lerem o post propriamente dito, observem bem esses números. Pois é, vamos ao que interessa. O grande vencedor da minha lista foi Jesus e logo em seguida a Madonna (que eu amo de paixão, fique bem entendido). No entanto, o número de páginas sobre ela é mais do que 1/3 daquelas dedicadas ao pai do Cristianismo.

A Daniela Cicarelli vale mais do que o dobro da Juliana Paes, a Fernanda Montenegro e a Marília Pêra juntas e ainda ganha de barbada dos grandes Charles Chaplin e Mahatma Gandhi. Daqui a pouco vai superar o grande Zico que sempre foi respeito por flamenguistas ou não de todo o país.

Um Roberto Jefferson vale quatro Ulisses Guimarães. A grande vagaba que atende pelo nome de Paris Hilton e que não faz nada na vida, a não ser dar vexame e aparecer na mídia, vale mais do que nove Adolf Hitler que tanto mal fez a humanidade. Se somarmos o número de páginas dela e as de Britney Spears, poderemos constatar que as duas valem mais do que o grande Buda. Aliás, essa cantora que, ultimamente só tem mostrado um monte de problemas e que está prestes a se tornar uma nova Judy Garland, deu olé no grande Albert Einstein. Se alguém se interessar, pesquise no Google "Síndrome de Judy Garland" e leia o texto que foi postado no Nós por Nós recentemente.

Bom amigos, como diria um chefe que eu tive, os números são frios e não espelham a realidade. Garanto que as páginas das grandes Fernanda e Marília só tem elogios, em sua grande maioria, enquanto que as da Daniela devem ser quase todas atacando ou fazendo pilhérias com a moça. Convém esclarecer também que deve ter muita página italiana que fala sobre Madonna, que vem a ser Nossa Senhora na língua daquele país. No entanto, cabe meditar um pouco sobre esses números. Será que não estamos dando bola demais para certas figuraças que aparecem por aí?

Sei que a vida não se resume em ler tratados de filosofia ou física quântica e assistir a óperas todos os finais de semana. Um pouco de breguice, leveza e fofoquinha sobre famosos também tem o seu espaço, mas não está havendo um certo exagero?

O motivo de eu ter feito essa pesquisa para escrever esse post é que infelizmente eu não posso acompanhar nenhuma minissérie da Globo porque nesse período passa o BBB e como normalmente eu durmo cedo, eu acabo apagando. Vou evitar de fazer qualquer comentário sobre o Big Brother porque sei que muita gente ama de paixão esse programa. Logo, prefiro ficar em silêncio. Só que o meu conceito de celebridade é aquele que está no Aurélio e não esse utilizado de uns tempos para cá. O que é certo é que um monte de gente vai sumir da mídia, como desapareceram Feiticeira e Tiazinha, mas existem momentos que eu fico cansada desse circo.

Só me resta tomar bastante vitamina para ter forças o suficiente para agüentar o que vem por aí que é o carnaval. Vai começar tudo de novo com a tal conversa sobre rainhas de bateria e destaques. Ao contrário do que eu supunha, Angela Bismarck e Viviane Araújo ainda estão vivas, mas isso é papo para outro dia.

Beijocas

Yvonne