Se todos os dias são iguais, torne-se diferente

Yvonne

Minha foto
Brasileira, ariana nascida no Rio de Janeiro, morando atualmente em Guarapari, mulher, esposa e mãe. Gosto de artes em geral, de ler, de trocar idéias, de praia, de cinema, de tomar cerveja e de dar boas gargalhadas.

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Gente de Opinião

Seguidores do blogger

Gente que Olha, nem sempre opina...

Arquivo BlogGente

Site Meter eXTReMe Tracker

ME ENGANA QUE EU GOSTO

Amigos, recebi de uma amiga uma mensagem da incrível série "Contado não se acredita" a respeito de um caso envolvendo um ex-diretor da Rede Globo e uma figurante. Mais detalhes aqui. Confesso que fiquei perplexa. Gostaria que vocês primeiramente lessem a história e depois a minha opinião.

Já leram? Pois bem. Eu acho que quem está na chuva é para se molhar. O cara que foi demitido da televisão não deve ser um grande ser humano, mas ela, na minha opinião, é mil vezes pior do que ele. Está posando de boa moça e agora diz ter sido prejudicada pelo canalha. É, de repente esse gostosão virou objeto de desejo dela e de outras amigas, todas figurantes, talvez o motivo seja que ele deve ser o pica doce do ano. Nada a ver com o fato de ele ter sido diretor da maior rede de televisão da América do Sul.

A vida dele talvez não seja destruída porque existe a possibilidade das redes de televisão menores contratá-lo. Ainda assim sua vida virou do avesso e ela a troco de nada prejudicou não só o cara como também a mulher dele que não tem nada a ver com isso. Todo mundo saiu perdendo e eu acredito que nenhum diretor que tenha juízo vai querer chamar essa moça para algum trabalho. Ela é a própria D. Encrenca.

Confesso que achei isso uma grande sacanagem. As mulheres precisam compreender é que nem sempre nós vamos para a cama com os príncipes encantados dos nossos sonhos. Por carência afetiva, interesses outros ou até mesmo por vontade de ter um momento de prazer, às vezes nos envolvemos com algo parecido com um Sherek. É que nem moda antiga, você usava feliz da vida na época mas hoje em dia se indaga como teve coragem de vestir "aquilo".

A tal mocinha quando se envolveu com o cara era homem e mulher, agora depois do fim do "romance" o caso passa a ser entre diretor e figurante? Sinceramente não dá para engolir essa grande vontade de aparecer.

Beijocas
Yvonne